“A sensação de acender a pira paralímpica é inexplicável”, conta Clodoaldo Silva

Clodoaldo Silva, o maior ícone do esporte paralímpico brasileiro, participou da Cerimônia de Abertura dos Jogos Paralímpicos dia 7 de setembro de 2016, no Maracanã, na cidade do Rio de Janeiro. Mas não foi uma participação normal, o nadador teve a honra de acender a pira.

“A Cerimônia de abertura dos Jogos foi um momento inesquecível, pela questão de ser em casa e principalmente por conduzir a tocha no Maracanã lotado. A sensação de acender a pira paralímpica é inexplicável”, conta Clodoaldo.

O atleta conquistou uma prata nos Jogos do Rio e após a competição, anunciou sua aposentadoria. Encerrou a carreira com 14 medalhas, segundo brasileiro com mais medalhas no evento, atrás apenas de Daniel Dias. Marcado por sua trajetória vitoriosa, Clodoaldo é uma inspiração para muitos atletas que estão iniciando no esporte.